VISAO MISAO OBJECTIVO HAKSESUK BOLA FH KKN HOME FH LPV ARTIGOS FH MUZIKA LIA MENON FH RESPONDE
Bloku Unidade Popular Associação Popular Monarquia Timorense Kmanek Haburas Unidade Nasional Timor Oan Partido Esperança da Pátria Partido Socialista de Timor Partido Desenvolvimento Popular Congresso Nacional para a Reconstrução de Timor-Leste Partido Republicano União Democrática Timorense Partido Democrata Cristão Partidu Movimento Libertasaun Povu Maubere Partidu Libertasaun Popular Partido Democratico União Nacional Democrática de Resistência Timorense Partido Unidade Desenvolvimento Democrático Partido Timorense Democratico Frenti-Mudança Partido Social Democrata Centro Ação Social Democrata Timorense Partido do Desenvolvimento Nacional Frente Revolucionaria de Timor-Leste Independente
NICOLAU LOBATO
“O povo de Timor-Leste está reconstruindo com o seu próprio suor, com o seu próprio sangue uma pátria revolucionaria democrática, uma terra livre para gente livre”.

Espelho da Realidade
A Esperança Nunca Morre
TIMOR-LESTE



Interview with Fernando Lasama de Araujo: On the road to democracy, where the streets have no name
UKUN HAMUTUK?
Sorumutu "Meja Bo'ot" nakonu ho "bua-malus". Sei lo'ok ba malu hela hodi mama hamutuk.
Fretilin
Fretilin - CNRT
Fretilin - PLP
Fretilin - PD
Fretilin - KHUNTO

 
 
   

sábado, 19 de dezembro de 2015

Orçamento Geral do Estado para 2016 aprovado por unanimidade pelo Parlamento Nacional

Díli, 19 de dezembro de 2015

PN OJE 2016
Ontem à noite, o Parlamento Nacional de Timor-Leste concluiu a sua apreciação e votação do Orçamento Geral do Estado para 2016, tendo aprovado o documento por unanimidade na votação final global. Esta aprovação acontece após um longo e rigoroso processo orçamental, que se desenrolou ao longo de todo o ano.

O montante total do orçamento, incluindo empréstimos, é de 1.562,223 mil milhões de dólares americanos, composto por:


  • Salários e Vencimentos: 181,874 milhões de dólares
  • Bens e Serviços [incluindo o Fundo de Desenvolvimento do Capital Humano]: 449,015 milhões de dólares
  • Transferências Públicas: 476,030 milhões de dólares
  • Pequenos Investimentos: 18,844 milhões de dólares
  • Desenvolvimento Capital [incluindo o Fundo das Infraestruturas]: 436,470 milhões de dólares


A lei do orçamento seguirá agora para o Presidente da República, para promulgação.

Refletindo sobre o processo orçamental, após a sessão plenária, o Primeiro-Ministro, Rui Maria de Araújo, expressou a sua sincera gratidão pela contribuição do Parlamento Nacional, nomeadamente de todos os deputados e grupos parlamentares. O Primeiro-Ministro afirmou que "A contribuição construtiva nos debates, incluindo durante o trabalho da Comissão Eventual até à votação final, e com todas as contribuições apresentadas num diálogo franco e claro, enriqueceram o debate e, como resultado, produziram um orçamento de alta qualidade e relevância para responder às necessidades do nosso povo e nação ".

Acrescentou, ainda, que "este debate do orçamento nacional para 2016 enfatizou o empenho do nosso Governo e Parlamento no sentido de salvaguardar que o nosso país avance, não enquanto partes isoladas e sentidos diferentes mas como um só, um só país e povo. Eu, enquanto Primeiro-Ministro, e o nosso Governo no seu todo, congratulamos o Parlamento Nacional e reiteramos o nosso compromisso de trabalhar em cooperação com o Parlamento Nacional a fim de assegurar que a execução deste orçamento corresponda às expectativas de todas as instituições do nosso país e, especialmente, do nosso povo ".


Agio Pereira
Ministro de Estado e da Presidência do Conselho de Ministros e
Porta-voz Oficial do Governo de Timor-Leste
http://timor-leste.gov.tl/?p=14259

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.