VISAO MISAO OBJECTIVO SPORTIMOR FH KKN HOME FH LPV ARTIGOS FH MUZIKA LIA MENON FH RESPONDE
Congresso  Nacional de Recontrucão de Timor-Leste Frente Revolucionaria de Timor-Leste Independente Partido Democratico Frenti-Mudança FM Partido Socialista Timor Partido do Desenvolvimento Nacional Associação Social-Democrata Timorense União Nacional Democrática de Resistência Timorense União Democrática Timorense Partidu Republikanu Partido Libertasaun Povu 

Aileba Partido Democrática Republica de 

Timor Associação Popular Monarquia Timorense Partido Unidade Nacional Partido Milénio Democrático Klibur Oan Timor Asuwain Aliança Democrática Partido Timorense Democrático Partidu Democrática Liberal Partido do 

Desenvolvimento Popular Partido Democrata Cristão
Ocupação humana na ilha timorense de Ataúro tem pelo menos 18 mil anos
... ... ... ....
TIMOR-LESTE



Entrevista
a Nicolau dos Reis Lobato


TIMOR-LESTE
Timor-Leste e "III Guerra Mundial" Ukun Laiha Responsabilidade Tamba sa mak rai ki'ik-oan ida iha kedas partidu tolu-nulu? Saving Asia’s mothers Julgamento de ex- ministras timorenses com "vícios e falhas graves" do tribunal

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Ministro das Obras Públicas timorense garante estradas de qualidade no país até 2017

Díli, 25 out (Lusa) - O ministro das Obras Públicas de Timor-Leste, Gastão Sousa, garantiu hoje à agência Lusa que até 2017 haverá estradas de qualidade e com padrões internacionais no país.


"Posso garantir que em 2017, no fim do mandato (do V Governo), temos já estradas com qualidade, com padrões internacionais", afirmou Gastão Sousa.

O Governo timorense fez empréstimos com o Banco do Desenvolvimento Asiático, Banco Mundial e o Japão para a reabilitação das principais estradas do país.

O ministro das Obras Públicas garantiu também que não vai "fechar os olhos" a reabilitação de outras estradas secundárias, dando como exemplo as vias do enclave de Oecussi.

O empréstimo contraído com o Banco Mundial prevê reabilitar a estrada de Díli para o Suai, o do Banco Desenvolvimento Asiático vai construir a estrada de Díli até Liquiça e de Tíbar até Gleno e o dinheiro do Japão servirá para reconstruir a estrada entre Díli e Baucau.

O ministro falava à Lusa no final de um briefing da Timor GAP (empresa estatal de Timor-Leste para a indústria petrolífera e do gás) sobre o projeto Tasi Mane, a desenvolver na costa sul entre o Suai e Beasu.

O projeto Tasi Mane tem como principal objetivo desenvolver a costa sul do país através da indústria petrolífera e inclui a construção de três grupos industriais, que serão a espinha dorsal daquele setor empresarial do país.

Tasi Mane inclui a base de fornecimento do Suai, a refinaria e um grupo de indústria petroquímica em Betano e uma exploração de gás (através do gasoduto que as autoridades timorenses pretendem ver construído a partir do Greater Sunrise) em Viqueque/Beasu.

O projeto Tasi Mane inclui também a construção de uma autoestrada com cerca de 180 quilómetros para ligar aqueles três pontos industriais da costa sul do país.

"A construção da autoestrada é para suportar o negócio da indústria petrolífera a ser criado na costa sul, entre o Suai e Beasu", explicou o ministro.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.