VISAO MISAO OBJECTIVO SPORTIMOR FH KKN HOME FH LPV ARTIGOS FH MUZIKA LIA MENON FH RESPONDE

sábado, 11 de agosto de 2012

Discurso Sua Excelência Primeiro-Ministro Kay Rala Xanana Gusmão nian Iha Ocasião Tomada Posse Ba V Governo Constitucional


Sua Excelência, Senhor Presidente da República
Sua Excelência, Senhor Presidente do Parlamento Nacional Sua Excelência, Senhor Presidente do Tribunal de- Recurso Suas Excelências, Reverendíssimos Bispos
Sua  Excelência,  Representante  Especial  do  Secretário-Geral  das  Nações Unidas

Senhores Membros do Parlamento Nacional no Governo
Senhor  Chefe  do  Estado-Maior  General  das-Forças  Armadas  ho  Senhor Comandante Geral da Polícia Nacional
Distintos  Representantes  Corpo  Diplomático:  Embaixadores,  Cônsules  ho Chefes Missão

Senhores Representantes husi Instituições no Autoridades Estado
Senhores Representantes husi Agências Internacionais
Senhores Representantes husi Sociedade Civil

Ilustres convidados
Senhoras no senhores

Povo Timorense

Iha dunik Salão Nobre ida ne, IV Governo Constitucional, nebé ohin hakotu nia mandato, simu posse iha 8 de Agosto de 2007.

Conjuntura sociopolítica iha tempo nebá la hanesan liu ho ohin ne nian. Ita hotu sei hanoin hetan kona-ba insistência política, ho razão kona-ba “estabilidade”, atu bele forma  ‘Governo Unidade Nacional’, hodi hatudu desrespeito ba vontade popular nebé expressa iha eleições 30 de Junho tinan nebá nian. Ita hotu mós sei hanoin hikas ba tentativa, ho razão kona-ba “desenvolvimento”, atu bele forma ‘Governo de Grande Inclusão’, hodi sidi fali Constituição da República.

Iha tinan 5 laran, AMP simu knar nebé todan tebes atu resolve conflito interno iha país, konflitu nebé provoca kanek bot iha tecido social timornian.

Deslocados internos ka ‘IDPs’ rihun atus-ida resin, liu un terço, husi F-FDTL, mak  abandona  quartéis,  PNTL  ida  nebé  descontrolada  no  la  iha  comando,  civis armados  idaidak halo tuir nia hakarak ho grupo rebeldes armados  nebé la’o livre, hodi aumenta  liután  insegurança  ba  instabilidade  nebé  iha,  tempo  nebá  –  ida  né  mak imagem ita nia País nebé sei jovem, hodi comunidade internacional classifica hanesan ‘Estado falhado’ no la iha duni perspectivas ba futuro.

AMP, ho ninia constituição histórica husi partidos lima, representa união de- esforços nebé consegue fó resposta ba ita-nia povo nia aspirações, ba paz no estabilidade no ba mudança no, liu-liu, ba mudança mentalidades ho comportamentos.

Iha ne’e no publicamente, ha’u hakarak fó justiça ka fó valor nebé boot ba Partidos AMP nian. Liuhusi   harmonização compromissos políticos oioin, membros Governo ho Parlamento Nacional, AMP nian, karik la halo buat hotu nebé sira compromete atu halo, sira consegue halo duni buat hotu nebé sira iha kbit atu halo, hodi reorienta país no hakotu ciclo violências nebé, cada tinan rua, halo populações moris la hakmatek.

Ohin-loron, Timor-Leste moris iha ambiente ida ho segurança, optimismo no confiança kona ba futuro, hanesan resultado husi estabilidade ho segurança nacionais nebé hetan, no mos resultado husi desenvolvimento social no económico nebé hahú tiha ona no la’o dadaun.

AMP,  ho  nia  kbít  actuação  no  mos  ho  nia  fraquezas  nebé  nia  rekonhese, halakon duni cepticismo ka dúvidas boot, iha nível interno no internacional, husi ema hotu nebé nunca bele simu no fó valor ba ema seluk nia sucesso, maski ida né uitoan.

Iha Índex kona-ba Estados falhados, ponto importante ida nebé husu reflexão, maka: capacidade husi  liderança  país  ida  nian,  atu  assume  responsabilidade  hodi influencia no orienta sociedade ba prática kona-ba ética social no política, buat nebé precisa tebetebes hodi haburas ambiente tolerância, respeito malu no solidariedade, nudar promotores ba harmonia ho estabilidade, ema hotu hakarak no hein.

Liderança país ida nian la ós deit figuras sira nebé kaer instituições Estado; liderança país ida nian maka ema hotu-hotu nebé iha  sira-nia responsabilidade rasik no ketak, iha vectores oioin sociedade laran, husi político ba   religioso, husi comunicação social ba sociedade civil, husi académico ba profissional.

Ema hotu-hotu nebé sente nudar responsáveis perante grupos ka organizações, ho ninia natureza nebé deit, iha dever atu educa sociedade, iha dever atu hanorin valores hanesan: honestidade política, responsabilidade kona ba superiores interesses Estado nian no consciência katak interesses Nação nian tenke hatúr ás liu interesses individuais ka grupos nian.

Ita-nia País sei nurak no ita foin celebra nia 10º Aniversário. Eleições hala’o iha clima nebé pacífico, no Comunidade Internacional valoriza tebes.

Maioria Povo timor hatene buat nebé democracia bele lori mai sira, la ós deit iha plano dignidade humana maibé mos iha realização kona ba sira-nia escolhas.

Nuné, tuir resultado husi escolha democrática, ida nebé expressa, husi votos, iha 7 de-Julho foin liubá, mak ohin, Vossa Excelência, Senhor Presidente, fó posse ba V Governo Constitucional.

Senhor Presidente
Senhoras no Senhores

Hó responsabilidade nebé bot tebes, mak dala ida tan, ha’u afirma, ba Timoroan hotu, ha’u-nia  compromisso atu lori país ida ne’e, liu husi dalan hametin liután Estado no husi dalan atu harí bases nebé forte ba desenvolvimento nacional.

To’o ohin-loron, sociedade timor sei continua nafatin hela deit hateke ho laran todan ba ita-nia passado histórico, hodi buka hikas sira-nia halerik no hodi sukat sacrifícios no terus, nebé sira liu iha luta naruk ba libertação.

Iha tinan sanulu dahuluk laran, iha processo construção paz no construção Estado, ita bele sente rasik ita-nia fragilidade nudar país nebé iha hela situação pós- conflito. Maski ho desafios nebé ita tenke hasoru, ita consegue hamrík metin fali, ho orgulho bot, hanesan Povo nebé determinado no Nação soberana ida.

Oras to’o ona atu harí Nação, hodi hateke ba futuro. Oras to’o ona, atu traça planos no políticas, nebé bele garante nafatin paz, bele mós garante katak iha serviço, uma di’ak no hahán ba timoroan tomak, ba heróis ho vítimas tempo uluk nian no ba heróis ho vítimas ohin-loron nian.

V Governo Constitucional iha projecto político carácter estratégico nian, ho missão boot ida: atu inspira confiança no mobiliza ema hotu nia participação.

Tinan lima mai né sei husu esforço colectivo nebé bot, lori assegura katak processo nebé sei hala’o nafatin ba consolidação segurança interna ho estabilidade, mak sei lori  progresso no bem-estar ba timoroan tomak.

Ha’u-nia Governo compromete-an atu sai nudar motor ba progresso né, hodi assume espírito responsabilidade, dedicação, honestidade, persistência no coragem. Ami mós conta ho participação no cooperação cidadãos timoroan tomak nian iha processo né. Hamutuk ka unidos, iha objectivo comum ida ne’e, sei fácil liu mai ita hotu atu hatán no hakat liu desafios ka sasadik desenvolvimento nian. Uluk kedas, hamutuk ka unidos, ita consegue duni hasoru desafios nebé difíceis liu-dók.

Relações nebé di’ak entre instituições no autoridades bot Estado nian no ho organizações sociedade civil, Igreja ho confissões religiosas sira seluk, nuné mos bain- hira iha atuações nebé positivas husi organizações não-governamentais, agentes económicos ho sector privado,maka ita sei la iha dúvida, buat sira né hotu sei sai nudar barómetro ka nudar sasukat. Diálogo franco no genuíno entre vectores sira né hotu ho Governo mak hanesan condição indispensável ba sucesso Nação nian.

Papel  nebé  reserva  ba  oposição,  liderada  husi  partido  histórico  FRETILIN, crucial tebes ba democracia jovem hanesan ita-nian ne’e. Oposição iha direito no dever atu kestiona Governo kona-ba nia decisões  no opções políticas, knar atu fiscaliza actuação ka hahalok Governo nian no direito atu apresenta propostas ho espírito crítico no construtivo, liu-liu bain-hira ita hotu considera no hakru’uk ba exponencial kona-ba experiência nebé Partido iha, hodi, hori uluk kedas, servi ba superiores interesses Timor-Leste nian.

Nuné duni maka, oposição hanesan elemento imprescindível, katak necessário tebes, ba composição fórmula democrática iha ita-nia país. Oposição ida ke forte, responsável no matenek, maka sei contribui maka’as atu Governo bele sai eficiente no transparente liután, no, husi né hotu, povo timor mak sai principal beneficiário.

Ho razão ida ne’e, mak ha’u apela mos ba participação husi jovens sira hotu. Geração idaidak iha nia  papel  atu  desempenha,  iha  nia  tempo  rasik,  hodi  hasoru desafios barabarak nebé sei mosu iha Timor-Leste. Jovens sira tenke assume luta foun ida né: luta atu dezenvolve ita nia país, husi esforço atu hametin paz no haburas valores democráticos iha ita-nia sociedade laran.

Ha’u hakarak hato’o ha’u nia apelo ba jovens sira, atu labele haluha katak, se ohin-loron sira moris iha país nebé livre, sira simu país ida ne’e, tamba  sacrifícios no esforços nebé todan tebetebes husi sira nia inan-aman sira.

Ohin-loron, jovens sira bele hili rasik dalan nebé sira hakarak tuir, bele reivindica mudanças no condições moris nebé di’ak liu. Bain-hira ezijensias sira né mosu, né diak tebes, maibé, keta haluha katak, ba ema hotu-hotu nia di’ak, jovens sira-nia acções tenke orienta ba promoção cultura de paz, iha nebé reconciliação diferenças oi-oin só bele halo liuhusi diálogo no liu husi uza meios pacíficos.

Jovens sira mak sei sai futuros líderes iha Nação ne’e, tanba sira mak sei iha papel atu transforma   ita-nia sociedade no ita-nia economia. Governo ida ne’e sei haka’as-an   atu   loke   oportunidades   ba   jovens   sira,   hodi   desenvolve   sira-nia capacidades, sira-nia experiências no sira-nia valores, atu nuné sira bele participa ho diak liu tan iha Nação nia futuro.

Excelência, Senhor Presidente República
Excelências
Senhoras no Senhores

Filosofia nebé orienta V Governo, maka Governo ida ne’e mai husi IV Governo Constitucional,  no simu missão atu  continua implementa programas no reformas nebé Aliança Maioria Parlamentar promove tiha ona ho sucesso.

Continuidade  nebé  ami  hakarak  imprimi  ka  hala’o  ba  ami-nia  governação, implica ka obriga correcção permanente ba mecanismos actuação no ba sistemas trabalho, no mós implika aperfeiçoamento beibeik ba    metodologias no ba operacionalidade iha administração ho gestão.

Ami sei continua ho reformas nebé hala’o tiha ona iha sector defesa no segurança, reformas sira nebé contribui duni atu Forças Armadas no Polícia sai profissionais no capacitadas liután. Governo sei continua assegura atu, loroloron, ita nia povo bele moris hakmatek ho fiar katak sira nia sasán no propriedades sei la iha ida atu estraga.

Implementa tiha ona reformas fundamentais iha área gestão ba finanças Estado tomak nian no hala’o ona capacitação administração pública hodi hadi’a prestação serviços. V Governo Constitucional sei continua promove cultura kona ba ética, transparência no abertura, hodi garante boa governação.

Ba ida né, ami sei hahú programa ida, hodi assegura katak instituições tomak Estado nian sei hadi’a no hametin-an no bele adopta eficazmente sistema nebé iha tiha ona,  hodi  evita,  iha  administração  pública,  burocratização  boot  demais  no,  liuliu, ineficaz, tamba demora no la responde.

Ita hotu hatene condições difíceis nebé funcionários sira enfrenta. Ha’u-nia Governo sei continua exije profissionalismonebé ás, maibé promete kedan ona atu fó atenção ba assunto ida né, atu bele liberta sira husi pressão nebé mai husi dificuldades sira hasoru loroloron, nuné mós   bele garante diak liu tan ética trabalho iha sira nia servisu.

Hanesan parte husi incentivos nebé Governo propõe, mak construção bairros ba funcionários, nebé colocados iha distritos no subdistritos, nudar condição mínima nebé bele fó,  atu sira bele serviço kamán liután no dók husi pressão.

Ita hatene katak verdadeira riqueza ka riku-soi lolós ita-nia Nação nian, mak ita- nia  povo  rasik.  Nuné,  maximização  iha  saúde,  iha  educação,  iha  cultura  no  iha qualidade moris timoroan tomak nian, mak fundamental ba construção nação nebé justa no progressiva.

V  Governo  Constitucional  sei  haka’as-an  hodi  hadi’a  prestação  serviços  iha áreas fundamentais rua, mak hanesan: saúde no educação.

Iha sector saúde no iha instituisaun nia laran, ba gestão, apoio no recursos, atu nuné serviços saúde bele hala’o nia knar ho eficiência duni,  tuir sa-ida maka sector né tenki halo. Kona-ba relação ho ema-moras no ho povo em geral, agentes saúde sira tenke iha espírito missionário atu servi ho domin, ho dedicação no zelo.

Iha sector educação, ami compromete atu, la ós deit hadi’a condições escolares, hanesan salas, mobiliário ka livros, no hadi’a liu tan qualidade educadores sira nian, atu mós revé currículos sira nebé desajustados ka la hatán ba ita nia realidade no mós hadi’a sistema interacção husi professor no aluno.

Melhorias sira né hotu mak sei permite ita sai tiha husi padraun halo relatórios ho estatística kona-ba número alunus ba fali sistema compensação husi qualidade aprendizagem no sistema evolução intelectual ka matenek labarik sira nian iha pós- primária nebé di’ak, hodi lori sira ba aproveitamento nebé realístico no concreto ba ita nia juventude, nebé aumenta tinan-tinan.

Governo ida ne’e sei regula nia actuação, iha ensino pré-escolar no básico, ho princípio inclusividade no sei la iha labarik timoroan ida mak sei hetan desvantagem ka la hetan oportunidade nebé hanesan ho sira seluk, tan deit la entende ka la kompreende, ho nia lian, buat nebé educador hateten ba nia, iha ninia  primeiros anos tama escola.

Sei sai mos hanesan prioridades acção ha’u-nia Governo nian, mak áreas reconhecimento justo no honesto ba Combatentes Libertação Nacional ho assistência ba vulneráveis.

Sei halo revisão ba Lei kona-ba Estatuto Combatentes Libertação Nacional, no mós hala’o reajustamento ida kona-ba actividades Comissão Homenagem no Recursos ba   organismo foun ida nebé eficaz no responsivo liu, ho plano ida kona-ba criação Conselhos Combatentes, hahú iha Distritos.

Husi parte seluk, tanba Estado iha obrigação constitucional atu defende sociedade nebé justa liu, mak Governo sei harii mecanismo assistência ida nebé eficaz ba ita-nia idosos, deficientes, feto ho labarik sira nebé iha situação vulnerabilidade.

Nuné mos, sei desenvolve sistema segurança social, nebé sei inclui pensões ba reforma, hodi sukat didiak nia sustentabilidade economica ba Estado. Bain-hira estabelece tiha ona sistema eficiente ba pagamento, Governo sei considera mos atu hasa’e, uitoan tan, pensão ba idosos, faluk no deficientes sira.

Tuir linha pensamento ida né, enquanto fó continuidade ba construção uma iha comunidades  organizadas,  iha  projecto  nebé  hanaran  MDGs-Sucos,  Governo  sei cumpri compromisso nebé simu ho Programa Nacional Desenvolvimento Sucos, nebé lança iha fulan Junho tinan ne.

Senhor Presidente,

Bain-hira  ita  ko’alia  kona-ba  sociedade  nebé  justa,  ita  ko’alia  mos  kona-ba justeza husi ita-nia actos. V Governo Constitucional sei continua presta atensaun nebé preciza, atu hadi’a nafatin ita nia sector Justiça. Ami sei continua habilita ka fó kbit liu tan ba recursos humanos timornian, hodi hamenus dependência bot ba actores internacionais.  Ami  sei  continua  hasa’e  capacidade  advocacia  timornian,  atu  bele exerce didi’ak ninia funções.

Ami mós sei continua aposta iha formação ba investigadores criminais, iha especialidades nebé Estado preciza, hodi bele garante credibilidade duni ba processos sira nebé tama iha tribunais.

Ami sei buka halo mos revisão ba legislações, nebé ita adopta husi nível desenvolvimento seluk ida, hodi ajusta fali ba realidade socioeconómica ita nia país nian.

Ami  mós  hakarak  haka’as-an  atu  harí  sociedade  ida  nebé  nakloke  no democrática duni. Nuné, ami sei reforça supra-estrutura democracia nian, liuhusi imprensa nebé livre, maibé esclarecida no tenki responsável, liu husi feto sira ho sira- nia direitos no garantias nebé sira kaer metin no liu husi acesso nebé hanesan ba oportunidades, iha espaços culturais nebé bele desenvolve pensamento crítico ho capacidade análise.

Ami hakarak sociedade nebé livre liu, autónoma no próspera liu no, tanba né, mak ami sei implementa políticas faseadas kona-ba descentralização, nebé sei ajuda diak liu participação democrática local ho desenvolvimento sector privado iha áreas rurais.

Ami fiar katak governação tenke hakbesik-an liu tan ba ema ka ba população, atu permite   autodeterminação, dignidade ho concretização ba sira-nia necessidades imediatas ho sira nia aspirações. Nuné, ami sei forma unidades administrativas foun, nebé eficientes no representativas liu no bele hatán, ho lalais no diak, hasoru desafios kona-ba desenvolvimento local.

Senhor Presidente da República
Excelências
Senhoras no Senhores,

Continuidade nebé Governo ida ne’e hakarak hala’o,   reflecte mos ba necessidade atu fó forma no conteúdo ba programas nebé estabelece iha Plano Estratégico Desenvolvimento, nebé Parlamento Nacional aprova, iha fulan Julho tinan kotuk.

Plano né haré ba longo prazo. Tan né, plano estratégico né prevê quadro ida atu transforma economia Timor-Leste, hodi aposta iha sector privado nebé forte liu no sector terciário nebé sei haburas-an. Ami hatúr plano né, ho forma sustentada no responsável, atu bele actua iha  áreas cruciais tolu: capital social, infra-estruturas no desenvolvimento económico.

Ita hotu hatene katak atu harí economia nebé moderna no produtiva no atu cria emprego, ita precisa harí infra-estruturas básicas no produtivas. Escala ho custo husi ita-nia necessidades, hanesan infra-estruturas, bot tebetebes, tanba né mak ita tenke halo plano no implementa ita-nia programa ho forma eficaz no ponderada.

Ami propõe atu continua investe iha Plano infra-estruturas integradas ida, nebé inklui hadi’a telecomunicações, no mós ligação ba mundo liuhusi fibra óptica submarina ida nebé bele fo ka facilita acesso ba internet ho banda larga no velocidade ás. Nuné mós, ami sei investe iha plano atu desenvolve portos, aeroportos, estradas, pontes, sistemas esgotos no bé mós.

Tamba besik atu finaliza ona construção linhas transmissão energia eléctrica, nebé sei hadulas ita nia Rain, ami sei iha ona kbit atu, la kleur, fornece regularmente energia eléctrica, 24 horas por dia, loron 7 semana ida, ba timoroan tomak,.

Desenvolvimento costa sul, iha âmbito desenvolvimento actividade sector petrolífero ho gás, sei continua hanesan prioridade ida. Estabelecimento base fornecimentos ka ‘supply base’, refinaria ho gasoduto iha região ida nebá, hanesan investimento  nebé  precisa  tebes  lori  cria  ita-nia  indústria  petrolífera  no  loke  tan emprego ba timoroan sira.

Governo compromete atu dada gasoduto husi Greater Sunrise mai iha ita nia costa sul. Ita sei prova ba mundo katak, gasoduto iha Timor-Leste hanesan solução viável ida no economicamente segura,  no mós atu hatudu katak ita nia horizonte mak desenvolvimento indústria petrolífera ida nebé bele cria dividendos económicos directos ba ita-nia população.

Ita cria daudaun ona dinâmica crescimento progressivo ida, hodi   Timor-Leste bele regista taxas crescimento económico lais liu hotu iha mundo tomak, iha altura nebé Governo gere hela impacto husi crise mundial kona-ba preços ai-hán ho crise financeira global. Maibé, ita hotu hatene katak Timor-Leste sei continua hanesan país ida  ho  baixos  rendimentos  ho  sector   privado  ida  sei  embrionário,  ladún  iha diversificação económica no concentra barak liu iha produção agrícola.

Governo sei maximiza oportunidades económicas, nebé bot tebes, liu husi estratégias nebé prevê iha Plano Estratégico Desenvolvimento, hodi sai hanesan país ida ho rendimentos médios, no economia nebé diversificada.

Atu halo buat hirak né, Governo sei kaer ba paradigma foun kona ba produção, capacidades produtivas no oportunidades emprego produtivo. Né sei liu husi expansão no modernização sector agrícola, husi harii sector turístico ida nebé forte no liu husi fó encorajamento ba actividades sector privado nian, iha indústrias, inclui mós haburas pequenas no micro-empresas.

Sei estabelece relação permanente ho sector privado nacional, hodi buka hatene sira-nia dificuldades no fó fatin ba sira atu sai duni parceiro desenvolvimento, liuhusi participação activa iha planos no estratégias nebé atu adopta. Governo sei capacita di’ak liután Banco Comercial, kona-ba apoio ba pequenas no médias empresas, no sei promove criação sistemas financiamento, inclui criação Banco Desenvolvimento.

Maski hanoin sira né mosu hanesan desafio bot ida, ha’u bele dehan katak ita iha pontos fortes nebé permite atu reestrutura ita-nia economia. Ita iha resiliência ka kbit atu tahan ka resiste ho determinação, husi ita-nia  povo, ita iha receitas petrolíferas substanciais ka boot, ita iha riqueza impressionante iha recursos marinhos no minerais, no mos ita-nia localização geográfica iha região Ásia ida nebé maka’as, região ida ke oras  né  daudaun  impulsiona  ka  dudu  hela  grande  parte  crescimento  económico mundial.

Ita conta mos ho paisagem natural ida nebé furak tebe-tebes no ita nia cultura, história ho património, nebé ita nian duni,  no buat hirak ne hotu oferece potencial nebé significativo tebes ba desenvolvimento iha ita-nia sector turístico.

Habadak lian, ho investimento forte nebé hahú tiha ona iha desenvolvimento infra-estruturas básicas, no hodi investe tan iha áreas essenciais tolu: agricultura, turismo no petróleo, hodi buka mós partisipasaun diak liu husi sector privado, nebé haburas-an, Timor-Leste sei diversifica nia economia, hodi la’o ba economia não- petrolífera, atu nuné receitas husi petróleo bele investe ba gerações aban-bainrua nian. Maibé, parte husi receitas hirak né tenke investe daudaun, ho coragem no rigor, ba desenvolvimento país no ba geração ohin loron nian.

Excelências,

Ho hanoin hirak né hotu, mak estrutura orgânica V Governo hatúr iha filosofia atu garante continuidade ba progressos nebé hetan ona,   no iha compromisso atu lori administração pública ba objectivos eficiência no eficácia iha prestação serviços ba povo no iha prestação responsabilidades perante Estado.

Equipa foun Governo nian, nebé ohin simu posse, nia missão mak atu labele hamenus optimismo no konfiansa nebé hamoris iha tinan lima dahikus né laran. Halo tan no halo di’ak liu mak hanesan plataforma comum de entendimento iha formação Governo ida ne’e.

Ami-nia comportamento político sei kaer tuir valores kona ba direitos cívicos no humanos, hanesan tolerância, paz, diálogo no respeito.

Ami-nia prática governativa sei orienta ba princípios boa governação, inclusão no princípio katak ema hotu-hotu iha lei nia ókos.

Ami-nia visão mak nação ida ho sociedade nebé próspera, saudável, instruída no qualificada, ho acesso generalizado ba bens no serviços essenciais, no sociedade ida nebé produção ho emprego, iha sectores produtivos, correspondem dunik ho economia emergente hanesan ita nian.

Ami-nia objectivo mak atu cria oportunidades ba ema-hotu, ho forma justa no inclusiva, hodi permite crescimento economia ida ke dinâmica no inovadora.

Senhor Presidente da República,

Ami fiar katak relações trabalho entre ita-nia instituições rua sei hametin ho espírito cooperação, confiança no solidariedade. Estado actual nação nian exige katak liderança país tenki assume, sem hesitação ka ho laran metin, nia responsabilidade histórica no iha korajem ka barani atu foti decisões kona-ba futuro nebé diak liu ba povo Timor-Leste.

Iha complexidade desafios nebé ita hasoru agora, hanesan atu hametin paz, democracia no halakon moris-kiak, ita tenke responde ho firmeza, dedicação no coragem.

La kleur tan, ita sei asiste retirada Missão Integrada Nações Unidas no Forças Estabilização Internacionais. Etapa foun ida iha história Timor-Leste nian, tanba hahú agora, ita sei la’o mesak ita-nia dalan rasik, no la iha tan ona  presença internacional.

Excelências
Senhoras no senhores,

Ha’u aproveita oportunidade ida ne’e, atu agradece contributos husi UNMIT, husi ISF, husi organizações nebé presentes iha Timor-Leste no husi comunidade internacional tomak.

Ha’u laran haksolok, tanba ita iha duni ona condições ida atu partilha ita nia vitória comum, kona ba estabilidade no dignidade humana iha país ida ne’e.

Ita nia projectos ba futuro ambiciosos tebetebes, maibé ha’u hatene katak belun sira, husi Rai liur, sei hakarak colabora nafatin ho ita, hasoru desafios foun nebé mosu iha Timor-Leste.

Ita hakarak mantén nafatin compromisso bot ho comunidade internacional. La ós deit ho ita-nia países vizinhos, maibé mos ho sira nebé partilha ho ita laços históricos comuns, hanesan países CPLP, nuné mos ho sira-hotu nebé partilha ideais hanesan paz, tolerância no desenvolvimento iha nível global.

Tinan lima mai né sei decisivos ba ita-nia adesão ba ASEAN. Ita-nia aspiração ida né sei lori vantagens nebé diak ba Timor-Leste maibé, ita sei la haluha, sei lori mos desafios bot.

Bain-hira halo ona parte ba fórum regional ida né, sei fó mai ita acesso ba debates actuais iha contexto segurança, desenvolvimento no integração económica no bele hatúr ita, besik liután, ba centro transição geopolítica global. Actualmente, ho passagem peso económico no estratégico global ba Asia, sudeste asiático mak região mundo nian ida nebé, ita hakarak halo parte. No entanto, ita mós tenki tau iha ulun, oportunidade ida né oportunidade ida ke bot liu, ba país ki’ik ida hanesan ita-nian. Tamba né, ita hotu tenke buka serviço maka’as liu atu bele acompanha progressos hirak ne.

Maibé Timor-Leste tenke hakboot-an, tenki desenvolve duni, no sei la iha mehi ida kona-ba  prosperidade mak sei lakon deit.

Iha fatin ida ne’e no momento ida ne’e, ha’u fó ha’u nia compromisso, lori mós V Governo Constitucional nia naran, atu kaer-ukun ho responsabilidade, ho laran metin no kamán no ho visão ba futuro.

Ba Povo Timor tomak, ferik-katuas no jovens, feto no mane, hau hato’o mensagem especial ida: ohin ita hasoru desafio foun ida atu desenvolve nação nebé ita luta kleur tebes atu bele hetan. Ho princípios, valores no compromissos, hanesan sira nebé ita kaer metin iha ita-nia luta naruk ba independência, ita tenke continua serviço hamutuk hodi realiza ita-hotu nia mehi.

Sei la fácil maibé, hau hateten dala-ida tan katak, hamutuk ita hasoru no liu tiha ona  dificuldades nebé bot liudók.

Oras   to’o   ona,   atu   lori   Timor-Leste   no   Timoroan   tomak   ba   dalan desenvolvimento.

Obrigado barak.

8 Agosto 2012

Kay Rala Xanana Gusmão
- Discurso Sua Excelência Primeiro-Ministro Kay Rala Xanana Gusmão nian Iha Ocasião Tomada Posse Ba V Governo Constitucional

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.