VISAO MISAO OBJECTIVO HAKSESUK BOLA FH KKN HOME FH LPV ARTIGOS FH MUZIKA LIA MENON FH RESPONDE
Bloku Unidade Popular Associação Popular Monarquia Timorense Kmanek Haburas Unidade Nasional Timor Oan Partido Esperança da Pátria Partido Socialista de Timor Partido Desenvolvimento Popular Congresso Nacional para a Reconstrução de Timor-Leste Partido Republicano União Democrática Timorense Partido Democrata Cristão Partidu Movimento Libertasaun Povu Maubere Partidu Libertasaun Popular Partido Democratico União Nacional Democrática de Resistência Timorense Partido Unidade Desenvolvimento Democrático Partido Timorense Democratico Frenti-Mudança Partido Social Democrata Centro Ação Social Democrata Timorense Partido do Desenvolvimento Nacional Frente Revolucionaria de Timor-Leste Independente

Hili ho konsiensia, vota ho Hanoin ba POVU no Domin ba TIMOR-LESTE
... ... ... ... ... ... ... ... ... ... ...
TIMOR-LESTE



Entrevista
a Nicolau dos Reis Lobato


Lei Bandu Labarik Labele Involve Iha Kampaha Ba Futuru, Vota ho Dame! Sukit-malu mak "interesse nacional" Partido nebe la halo promesa iha eleisaun... Pemilu Timor-Leste: "Keadilan Waktu" Oinsa neutralisa tensaun entre ita nia ulun bot sira? “LÍDER IDEAL” Timor-Leste Parliamentary Elections: Hard Choices, Hard Times

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Amu Belo simu premiu “Personalidade Lusófono”

Lisboa, 22 Fevereiru (FH) - Movimento Internacional Lusófono (MIL) no Academia das Ciências de Lisboa (ACL) entrega premiu “Personalidade Lusófono” tinan 2010 nian ba Amu Ximenes Belo.

Serimonia entrega premeiu ne’e halo horiseik (21/2) iha Lisboa, presidido hosi Professor Doutor Adriano Moreira, ma’ak hahi’i figura prestgiado no marcante iha sociedade lusófona nomos iha mundu rai-klaran.

Adriano Moreira sublinha iha nia diskursu Amu Belo nia papel fundamental nudar Bispo iha tempu funu (resistência) hodi ajuda liberta Timor Leste, “(…) ser livre e independente..”. Fo hanoin hikas papel Igreja nian iha intervensaun kultural no espiritual nebe’e ajuda halo fraku indonesia nia fuan (coração). Husi sorin seluk, Moreira destaque dalen portugues nudar elo ligasaun entre rai lusofonia. Iha ne’e Amu nia kontribuisaun «voz activa» wa’in tebes. Tamba ne’e mak Academia ho orgulho fo reconhecimento prestigiado ba D. Ximenes Belo.

Amu Belo agradece hanesan bai-bain hahu serimonia ida. Maibe curiosamente dehan hakfodak ho atribuisaun ne’e, “personalidade do ano, mas porque eu?”. Sensasaun iha altura. Maski nune’e, Amu hakraik-an honra ho reconhecimento ne’e dehan, “ho atitude humildade ho sentidu responsabilidade hau simu hodi povo Timor Leste nia naran, hau simu komprimisu hodi servisu ba lusofonia”.

“Nudar habitante ida iha sulindia no pasifiku sempre halo parte ema lubun bo’ot, feto no mane, nebe ko’alia mos dalen português, dada-i’is kultura ida ho traços comuns, iha istoria, relijiaun no kultura, afirma Amu, nebe haktuir tan katak, “ne’e ralidade ida katak dalen português halibur diversas etnia, kultura no relijiaun”. Atu dehan ketak, lusofonia la esgosta so ho dalen deit, maibe liuliu iha mos dialogo no konservasaun ba servisu kooperasaun entre rai lusofonia.

Iha Amu nia intervensaun ho textu, husik hela desafiu bo’ot ida ba mundu lusofonia, liuliu ba entidade sira hanesan MIL no ACL atu konsidera mos valores kulturais rai seluk iha komunidade nebe ko’alia dalen portugues, katak atu “valoriza no promove mos dalen seluk ho realidade povo rai lusofonia”.

Iha aspektu ne’e (dezafiu), Belo expressa nia apoio total ba MIL nebe dadauk hala’o projecto ba kumunidade lusofonia, hodi haktuir princípios: “As nações e os 240 milhões de falantes da Língua Portuguesa em todo o mundo constituem uma comunidade histórico-cultural com uma identidade, vocação e potencialidade singular, a de estabelecer pontes, mediações e diálogos entre os diferentes povos, culturas, civilizações e religiões, promovendo uma cultura da paz, da compreensão, da fraternidade e do universalismo à escala planetária”.

Movimento Internacional Lusófono, ka MIL, ne’e movimentu kultural no siviku internacional ida nebe visa promosaun kultura lusofona iha mundo, estreita lasu entre rai CPLP i ho lasu ne’e daet ba povo nebe hadalen portugues ma’ak namkari iha mundu rai-klaran.

FH/Fim

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.