VISAO MISAO OBJECTIVO HAKSESUK BOLA FH KKN HOME FH LPV ARTIGOS FH MUZIKA LIA MENON FH RESPONDE
 

segunda-feira, 9 de julho de 2018

Camisolas e Talismãs (Biru)


                                             Por Dadolin Murak
                                                Foto foti husi fb Dadolin Murak!

Merda Pá! Pedimos apenas para imprimir camisolas (T-shrits) e demoras tanto tempo.Estamos às portas das campanhas eleitorais. O que iríamos dizer ao Senhor Presidente,vociferou algo nervoso companheiro Kaldy Leite, Coordenador das Campanhas de Eleições Gerais do Partido Promovedor de Sonhos (Partidu Haburas Mehi), no encontro de coordenação da Equipa para Vitória por Maioria Absoluta nas Eleições (EVimae)...Ekipa Manan Mayoria iha Eleisaun (EmaMe)
Companheiro Kaldy continua...
“ Onde está o gajo do Joko. Quer que eu lhe cancele o projeto da ponte? Afinal quanto dinheiro lhe custou só para fazer umas camisolas? Telefonou-me há dois meses atrás dizendo que iria arranjar tais camisolas, imaginem, quatro semanas antes do início das campanhas.

‘Está bem, Companheiro Kaldy, estão a caminho, prestes a chegar. Chegam cá amanhã. Acabo de receber SMS do merda do Bapa. Interviu Luis, Secretário da EVimae.

“Luis, por favor informe Sr.Kaldy que amanhã chegarão lá as suas camisolas. Desculpe pelo atraso, por coincidência estava a tratar também de um assunto da familia - Por favor, Luis, informe Sr. Kaldy, as camisolas chegam amanhã. Luis leu o SMS enviado por Joko com o rosto radiante de alegria. Companheiro Kaldy e outros também mostraram seu contentamento ao receber o SMS do Joko. Este SMS insuflou mais motivação ao Companheiro Kaldy para atrair a confiança do Senhor Presidente do Partido. 

Desde a independencia Joko tem entrado e saído de todos os cantos desta cidade. Joko mantém contactos diretos com o Lider Supremo deste País. Joko a qualquer momento pode telefonar a Figura-Chave de cá. Joko com a sua equipa pode acompanhar e monitorizar diretamente o debate orçamental do Orçamento Geral do Estado, cada ano. Pelos vistos Joko etá bem inteirado sobre detalhes do Orçamento Anual do Estado e até melhor que os Deputados do Parlamento Nacional. Joko sabe de cor todos os projetos de cada Ministério no Orçamento do Estado.
Enquanto os Distintos Deputados discutem o Orçamento Geral do Estado, Joko não se cansa de telefonar diretamente alguns dos Diretores e Ministros discutindo abertamente a possibilidade de participar nos concursos dos referidos projetos. Joko também dá os seus pareceres e sugestões sobre a importância dos grandes projetos para realizar os sonhos do Partido Promovedor de Sonhos (Partido Haburas Mimpi). Vendo bem, Joko tem agido como um verdadeiro “assessor informal” do Partido Promovedor de Sonhos (Partidu Haburas Mehi) durante a sua governação. Tem ajudado frequentemente este Partido desde a sua criação.

Joko é Diretor Nacional de uma gigantesca Empresa denominada ‘Empresa Portador de Sonhos Maravilhosos Lda. (PT Membawa Mimpi Indah), oriundo do País vizinho. Traz grande capital de investimento para participar nestes concursos competitivos. Joko tem cimentado boas relações de amizade com alguns dos Governantes-Chave da Nação. Joko e Companheiro Kaldy parecem autênticos irmãos. O filho do Joko é afilhado do Kaldy. Kaldy não deixa de recorrer ao Joko por coisinha de nada. Kaldy mantém continuamente o Senhor Presidente à par das suas relações com o Joko.

Só camisolas? Penso que devemos arranjar também chapéus, sombrinhas, lençóis e fronhas para algumas famílias. Mas devemos ser muito cuidadosos, as fotos do Senhor Presidente devem ser visíveis…Contem cuidadosamente todos os fios da barba do Senhor Presidente. Concerteza são mais brancos e prateados do que pretos. Para que não falte nenhum ao colocarmos as fotos nas camisolas. Explica Luis com um ar bastante sério, temendo que algumas partes da barba do Senhor Presidente não sejam claramente visíveis nas camisolas. Na opinião do Luis, alguns dos poderes mágicos do Partido Promovedor de Sonhos (Partido Haburas Mehi) provêm da barba do Senhor Presidente. É um talismã (amuleto) muito poderoso para o Partido. 

‘Companheiro, penso que precisamos de preparar também roupas interiores como cuecas e calcinhas’. De repente, Marcus que estava sentado no cantinho do salão interferiu, deixando todos surpreendidos.

“ O Quê?Estás maluco? Não diga parvoíces! Afinal querias que tua esposa usasse calcinhas enfeitadas com as fotos da liderança do Partido? Querias andar de cuecas e deixar os líderes cheirarem o teu cocó/cu? Use teu cérebro para falar, senão é melhor ficares calado, Marcus. Olhe! Estamos a falar à sério. Como ganharmos com maioria absoluta’. Companheiro Kaldy barafustou, dirigindo-se de olhos arregalados ao Marcus, seu companheiro que parecia não estar bem de cabeça, aliás um pouquinho maluco.
Marcus, coordenador do Sub-Distrito ‘Sonhar no Lugar’ (Mehi iha Fatin), tem a base de apoio nas mãos e conta com um forte apoio da massa. Já o comprovou duas vezes nas eleições gerais. O seu círculo eleitoral tem votado sempre à favor do Partido Promovedor de Sonhos( Partidu Haburas Mehi) e com maioria absoluta. No período da ocupação Marcus não terminou a escola secundária /Primeiro Ciclo. Era muito conhecido durante a ocupação. Mas ultimamente anda avariado de cabeça. Isto só porque durante a Resistencia Marcus entrava e saia da Comarca como as tias que entravam e saiam do Mercado. Agora já nem se lembra do Bapak que não se fartava de lhe dar murros e pancadas na cabeça. Mesmo que tenha sempre ganho as eleições no seu círculo eleitoral, Marcus nunca chegou a ocupar um bom cargo no Governo do PPS. Recebe alguns tostões enegrecidos cada vez que o Companheiro Kaldy fala com o Joko. Marcus é um agente permanente de segurança sempre que o Joko ganha algum projeto cá. O pior quando o Marcus nem está ciente de que o gajo do Capitão Sutiyoso, o malvado que nos tempos idos costumava castigar-lhe, é sobrinho do Joko. E Joko sabia disso mas nunca se atreveu a desvendar o segredo de que o sobrinho antes trabalhava aqui com a missão especial e secreta de fazer lavagem cerebral aos jovens para não se insurgirem contra o seu Governo. Marcos era uma das vítimas diretas do Capitão Sutiyoso. Capitão Sutiyoso nunca voltou a pôr os pés aqui, desde a independência. Mas tem recebido muitos dólares/dinheiro do seu tio Joko para financiar as atividades do seu Partido, depois de terminar a sua carreira militar.

‘Temos que ter dados concretos quanto ao número atual de votantes. Se são 750.000, temos que comprar camisolas para este número.’ Esclarece Luis.

‘ Contacte Paulo no STAE. Talvez possa fornecer-nos boas informações. Apesar de trabalhar no STAE Paulo tem-nos proporcionado valiosas informações. O Senhor Presidente tem contactos diretos com Paulo relativamente a determinados assuntos sensíveis no tempo das eleições. Temos muita sorte.’ Esclarece companheiro Kaldy com muita calma demonstrando capacidade de líder visionário do PHM. Companheiro Kaldy quer também provar aos seus companheiros que tem contactos diretos com outras entidades do Estado. Apesar de ser um encontro interno Companheiro Kaldy esforça-se constantemente para acentuar a sua dignidade como um dos proeminentes líderes do PPS que tem desfrutado plena confiança do Senhor Presidente. Para mostrar a sua dignidade e sentido de Estado na qualidade de líder, Companheiro Kaldy veste-se sempre com aprumo,de casaco e colarinho. Mesmo com o calor insuportável de 33 graus Celcius. Companheiro Kaldy acredita que a boa apresentação pessoal, usando fatos lindos e carissimos, pode elevar a nossa dignidade de liderança. Sempre com gravata bem ajustada ao pescoço, mesmo que seja apenas para se encontrar com os tios e as tias que mascam diariamente noz de areca e bétel.

‘Está bem, seria muito melhor se o Joko arranjasse mais. Podíamos distribuir também aos menores de idade, embora ainda não tenham chegado seu tempo para votar. É bom sinal, porque podemos começar a prepará-los com antecedência a desenvolver seus sonhos no futuro de acordo com o Manual do Partido.’ Luis explica calmamente a melhor forma de preparar as crianças de tenra idade no PPS.

‘Espere, Companheiro. Ouvi dizer que o ‘Partido que Acabou de Sonhar’ (Partidu foin Mehi) está a montar uma boa estratégia para receber as nossas camisolas.’

‘Qual estratégia?’
É assim, Companheiro Chefe’. Luis tenta explicar.

‘’Recentemente foram fazer campanhas no Bairro de “Dormir sem Sonhar” (Toba la Mehi), e o líder do Partido Que Acabou de Sonhar (Partidu Foin Mehi) apelou aos seus militantes para aceitar as camisolas (T-shirts), quando a ‘Brigada Promovedor de Sonhos’ (Brigada Haburas Mehi) vier distribui-las’.

‘Depois...?’ Kaldy fez-lhe mais perguntas.

‘Estejam calados vamos ouvir a gravação do Presidente do Partido Que Acabou de Sonhar (Partido Foin Mehi). Ontem a Inteligencia Nacional fez gravação e enviou-nos.’ Prosseguiu Luis.

Viva Partido Que Acabou de Sonhar (Partidu Foin Mehi)!

Viva, Viva, Viva...
‘Aceitem! Se vos distribuirem camisolas. Não tenham medo. Se vos dão de borla, vistam. Amanhã quando vier outro partido, trazendo-vos mais camisolas, recebam. Especialmente do Partido Promovedor de Sonhos (Partido Haburas Mehi). Eles têm muito dinheiro para comprar camisolas e distribuir para toda a população de Timor-Leste. 

Este líder retoma a conversa... 
‘Mas continuem apegados aos Principios do Partido. Solicito também aos “portavozes tradicionais”(lia Na’in) que vos protejam com talismãs e ponham alguns nos peitos dos vossos filhos. Para que estas camisolas não deixem penetrar os vossos sonhos até ao fundo do vosso coração. Os talismãs são vedações protetoras contra todas as influencias malignas que penetrem através das camisolas .

Vocês sabiam exactamente, que conseguimos vencer na luta, também por causa desses talismãs.

Prooor...termina a gravação. 

Ah, Luis, Como podes acreditar em propagandas e falsos talismãs.

“Ouça! Companheiro, eles também falam da revitalização dos talismãs para anular o valor de uma parte do dinheiro doado como parte da nossa insignificante contribuição para os militantes-chave do Partido.’ Luis continua explicando aos seus companheiros.

Eh, Pá! Se for assim, estamos a gastar inutilmente dinheiro. Esbanjamos dinheiro para comprar estas coisas e doamos dinheiro aos Militantes-chave, para depois estas pessoas virem com os seus talismãs anular os poderes psicológicos (mágicos) de tudo isso?

Mas é realmente verdade sobre estes talismãs?’ Companheiro Kaldy perguntou com grande curiosidade.

“Ouvi ouvi dizer que vão reunir os anciãos e portavozes de todas as casas sagradas (tradicionais). Simbolicamente algumas camisolas serão imersas em água manchada de sangue de gato. Misturam também com cebolas e baria (fruta de planta comestível e de sabor amargo). Depois dos rituais e orações (hamulak) esfregam o peito de cada militante com o sangue. Este sangue é para impedir o nosso esforço de lhes influenciar a entrar nos sonhos do PPS. Se persistirmos, este sangue há-de trazer pesadelos ao nosso partido. Estes talismãs podem fazer-nos cair em tentações…então farão com que os sonhos dos nossos militantes se desviem das Regras Gerais de Sonhos do Partido Promovedor de Sonhos (Partidu Haburas Mehi). Isso pode pôr-nos em grande risco.’Luis esclarece seriamente, fazendo com que Companheiro Kaldi sinta arrepios,com os pelos todos eriçados, porque realmente é muito melindroso e medroso.

Não acabou ainda de falar, Luis gritou subitamente.

‘Espere, Xefe! Acabo de receber mais um SMS do JOKO’.

Mas o que mais este Bapa quer dizer? Leia para eu ouvir’

‘Olá Luis, TEMOS BOAS NOTÍCIAS’. Joko começa o seu SMS.

Luis lê com o coração a palpitar fortemente.

“POR FAVOR INFORME SR. KALDY QUE NESTE DOMINGO CHEGARÃO MAIS CAMISOLAS E EM GRANDE NÚMERO. TAMBÉM IMPRIMIMOS CUECAS. O NOSSO ALVO, PREPARAR CAMISOLAS PARA A POPULAÇÃO INTEIRA. NÃO É MAIOR DO QUE UM KABUPATEN (MUNICIPIO) NO NOSSO PAÍS. ESTAMOS HABITUADOS A PRODUZIR QUANTIDADE IGUAL DE CAMISOLAS.

Todos escutavam contentes…convencidos de que, com tantas camisolas e outros artigos/itens, seriam capazes de desenvolver e reproduzir muito melhor os seus sonhos de acordo com as diretrizes do partido…

Luis continua a ler…

UM DOS NOSSOS OBJETIVOS, CASO SEJA POSSÍVEL, É DE DISTRIBUIR CAMISOLAS ESTAMPADAS COM AS FOTOS DO LÍDER DO PPS, PARA TODOS OS ANIMAIS DOMÉSTICOS, SOBRETUDO PORCOS E BÚFALOS (VACAS). Quem sabe,talvez os porcos e búfalos também saibam cantar gritos de Vitoria do PPS’. Calorosas saudações, Joko Diretor da Empresa ‘Portador de Sonhos Maravilhosos’.

‘Ei, Luis! Quem deu instruções ao Joko para imprimir roupas interiores? Isso é demais, pá! Como foi possível chegarmos ao ponto de colar fotos da Liderança do Partido nas cuecas? Avise ao Joko para não enviar mais roupas interiores.’Kaldy berrou, dando instruções ao Luis.

“ Não fui eu quem lhe pediu para fazer roupas interiores, Xefe, respondeu Luis. Olharam-se estupefactos. Atordoado, Marcos desapareceu do lugar da reunião.

Se calhar foi o maluco do Marcus quem pediu ao Joko para imprimir também roupas interiores!? Luis resmungou, desconfiado.

‘Não consigo conceber a ideia de os búfalos (vacas) e porcos receberem também camisolas, Luis!

Espere, Chefe! Ainda não acabei de ler o SMS’.

Sobre búfalos (vacas), isso é comum entre nós. Eles também gostam de gritar e cantar vitória do partido nas eleições. Mas porcos,não, é absolutamente proibido aqui, porque é pecado. Vocês lá, sim, todos gostam de comer carne de porco. Cada familia tem porcos domésticos, é ou não é?

Talvez os porcos e búfalos (vacas) possam alternadamente cantar e bradar gritos de triunfo do Partido, caso os nossos adversários consigam utilizar eficazmente seus talismãs. O mais importante é os porcos permanecerem fiéis aos sonhos da Liderança do Partido. Especialmente os porcos engordados pelo Partido durante todo esse tempo. Estes porcos são espertos e muito disciplinados quanto aos sonhos. Cumprem 100% os sonhos do Líder do Partido.

Ficaram todos calados durante alguns minutos.Comolhares vazios, observando-se mutuamente no meio da confusão, após ouvirem clarficações do Joko no SMS.

Possa pá! Este Bapa sabe todos os segredos dos nossos talismãs. Há algo que talvez ele ainda não descubra na nossa vida? Luis exclamou, suspirando profundamente.
Ao sair cá para fora, companheiro Kaldy falando consigo mesmo, susurrou, ‘não me digas que o Joko também me considera igual a este porcos.’

Dadolin, Tasi-Ibun Areia Branca, Dili, 9-7-17.

             Traduzir para Portugues por Carlos Piedade

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.