VISAO MISAO OBJECTIVO HAKSESUK BOLA FH KKN HOME FH LPV ARTIGOS FH MUZIKA LIA MENON FH RESPONDE
Bloku Unidade Popular Associação Popular Monarquia Timorense Kmanek Haburas Unidade Nasional Timor Oan Partido Esperança da Pátria Partido Socialista de Timor Partido Desenvolvimento Popular Congresso Nacional para a Reconstrução de Timor-Leste Partido Republicano União Democrática Timorense Partido Democrata Cristão Partidu Movimento Libertasaun Povu Maubere Partidu Libertasaun Popular Partido Democratico União Nacional Democrática de Resistência Timorense Partido Unidade Desenvolvimento Democrático Partido Timorense Democratico Frenti-Mudança Partido Social Democrata Centro Ação Social Democrata Timorense Partido do Desenvolvimento Nacional Frente Revolucionaria de Timor-Leste Independente
“O povo de Timor-Leste está reconstruindo com o seu próprio suor, com o seu próprio sangue uma pátria revolucionaria democrática, uma terra livre para gente livre”.

I N T E R F E T
15 Setembro 1999
O Conselho de Segurança da ONU aprova a Resolução n° 1264,
que autoriza a criação de uma força internacional para Timor-Leste (INTERFET)
TIMOR-LESTE



Interview with Fernando Lasama de Araujo: On the road to democracy, where the streets have no name
Dezenvolvimentu Nasional presija iha Programa nebeé Programátiku
Reasun Oposisaun ba Programa VII gov
Primeiro-ministro timorense não entende críticas a programas..
Oposição exige explicações ao Gov sobre justiça e reforma adm..
Xanana Gusmão quer "ganhar experiência" como oposição..
Governo quer duplicar receitas domésticas com IVA e impostos tabaco...
Masuk Indonesia Tanpa Paspor, 2 Warga Timor Leste Diamankan Polisi
Opozisaun Rejeita, Programa VII Governu, Alkatiri: “Hau Prontu...”
Timor "satisfeito" novo acordo que regula fronteira com Austrália
Comissão confirma acordo entre Timor-Leste e Austrália

 
 
   

segunda-feira, 17 de setembro de 2007

Tetun Lian Unidade no Klamar Timor Lorosa’e

Lian hanesan meios komunikasaun entre ema grupu ida ou rai ida, lian tetun fahe ba grupos mak hanesan Tetun Terik, Tetun Los no Tetun Dili.

Tuir estoria lian tetun hahu koalia antes Portugues sira mai iha Timor tinan atus liu ba maibe fahe ba grupu mak hanesan iha parte Belu ou Atambua, Suai, Balibo konhesidu ho naran tetum terik Belu fatin seluk fali iha rai klaran mak hanesan area balu husi Same Alas no Manatutu Soibada no parte Leste Viqueque.

Tuir ema linguistika dehan katak lian dominante iha tempo neba mak Tetun terik no Dialekto seluk mak hanesan mambae.

Tetun hetan transformasaun husi misionario sira, tan Timor iha dialektus barak ho nune misionario sira hili lian tetun hanesan lian evangelisasaun ou haklaken maromak nia lia fuan ba sarani sira hosi nune tetun komesa nakloke an ba iha fatin tomak iha Timor - Laran. Iha nee ita bele dehan katak lian tetun komesa hanesan forma ida ba transfere informasaun ba ema tomak mak hela iha ilha Timor. Tan ninia vocabulario la barak misionario sira hatama lian portugues iha nia let hodi oin sa bele tradus lian sira iha liturgia ba sarani sira ho nune prosesu ida ne mak hamosu lian tetum Prasa (Tetum Dili agora).

Tetum Dili desenvolve an makas tebes hanesan meios komunikasaun entre ema Timor ho nia maluk sira seluk mak koalia lian dialektu mak la hanesan, oin sa mak bele desenvole lais?

1. Ema usa hanesan meios komunikasaun iha merkado ga basar.

2. Liturgia misa ho lian tetum Terik ou Tetun Dili.

3. Autoridade Portugues sira iha tempo neba iha enkontru hato informasaun ba komunidade tradus portugues ba tetun ho durubasa timor oan nebe mak hatene portugues.

4. Tetun usa iha uma laran entre aman inan no oan.

5. Tetun usa iha servisu fatin no eskola.

Mesmo ke la iha kongreso ga konkordansia entre sukus ou dialektus sira seluk hodi hili tetun hanesan meios komunikasaun entre ema Timor oan, spontaniamente tetun hetan fatin hanesan meios ida ba tradus sira nia hakarak ba parte seluk nebe mak la koalia lian mak hanesan. Partes iha komudade ou etnikos sira la sente katak lian tetun ne hamate sira nia dialekto tan mesmo ke sira koalia tetun sira mos koalia sira nia dialekto rasaik iha uma laran. Sira so usa deit tetun ba ema seluk nebe la hatene koalia sira nia dialekto.

Iha parte balu gerasaun foun nebe inan aman lakohi pratika koalia sira nia dialekto entaun labarik sira ne la koalia ona sira nia dialekto, sira so deit koalia tetun.

Tetun ne hasoru fase mudansa barak iha periodu Indonesia gerasaun foun komesa hatama lian Indonesia ba iha laran tan gerasaun nebe moris iha Indonesia nia tempo sira la hatene Portugues ne duni sira kahur tia lian mak hanesan, “hau la merasa sala, hau la pantas ba nia ou hau la cocok” tentun ita bele dehan hau la sente sala, hau la serve ba nia, ou hau la henesan.

Tetun ne lian ida mak mosu hodi kesi ema ho diferensia etniko, social economic no religiaun, maibe laiha ema ida mak tau atensaun ba iha ida nee. Iha tinan liu ba kuando mosu krize politika militar no lori isu Lorosa’e Loro monu hau husu ba hau nia an tan sa tenki iha grupo rua ne? tan sa grupo rua ne la rona malu? Ema dehan kuando ema la rona malu ne dehan miss communication maibe parte rua nee usa lian ida deit hodi komunika ba malu lian ne mak “Tetun”. Ikus mai ema dehan fali tan iha deskriminasaun promosaun iha FFDTL, interse bot sira hadau kadeira hau nia hanoin buat hirak ne bele mos los ou bele mos iha hanoin seluk.

Hau nia hanoin mak ne ita Timor Lorosa’e to agora seidauk iha Kongreso Nasional ida ba defini ita nia Identidade Nasional hanesan hili lian Tetun Hanesan “Lian Nasional” ba ema Timor tomak, ho nune lian tetun bele unifika ema Timor ne to ba iha fronteira. Tetun hanesan ita nia riku soin kultura nasaun nian nebe bele representa ita nia an iha rai seluk nia let. Iha ema estrangeiro ida dehan mai hau hanesan ne Timor Rai kik oan lian barak tebes tan ne imi la kohi rona malu. Ho nia liafuan fo hanoin fila fali hau hodi refleta an no hau hanoin keta loss duni karik.

Ho nune ita tenki halo Kongreso Nasional Lian Tetun, kongreso nee etniko dialekto hotu mak iha Timor Lorosa’e tenki representa hodi hatan lian Tetun sai hanesan Lian Nasional mesmu ke lian ne ema hotu hatene kualia tiha ona no tama mos iha konstitusaun hanesan segundo lian official.

Ema Timor Lorosa’e Tomak tenki simu lian Tetun hanesan lian Nasional tuir meios mak hanesan tenki hanorin ba labarik sira hosi Premaria to Universitario. Evita koalia dialeto iha fatin publiku, halakon sukuismo iha pratika rekrutamento iha institusaun publiku ou kria balanso sukus iha institusaun publiku nia laran. Haforsa lian tetun nia posisaun hanesan lian official iha konstitusaun hodi hein prosesu desenvolvimentu Tetun. Ho nune ita bele evita mosu fali sukuismo. Ita hare fila fali ba Indonesia antes sira ukun an 1945 sira halao tiha sira nia kongresu lian nian iha loron 28 Otubro 1928 iha kongreso ne sira konsege halibur ema hosi provinsia hotu ho dialektu oioin hodi hili lian Indonesia hanesan lian Official no national ba Indonesia iha futuru mai, no mos lian ne sai hanesan lian unidade nasional ba luta hasoru Olanda no Japaun.

Ita durante luta ita la hanoin to ba neba ita nia atensaun mak ne oin sa Indonesia bele sai lalais hosi ita nia rain. Fo valorisasaun ba lian Tetun sei haburas ita nia Unidade Nasional,

Tan ho pratika usa lian ida deit ita sei la sente katak ita ne ketak ketak maibe uma laran ida deit no hanesan maun ho alin. Lian ketak ketak hamosu deferensas, hamosu la rona malu, hamosu supreoridade,hamosu egoismo ka manan mesak. Lian ida deit hamosu fraternalismo/maun alin,familiarismo/umalaran ida no koperasaun/servisu hamutuk.

Hau hakfodak kuandu ema seluk hatete ba ita katak ita la iha identidade nasional no hau sente moe hanesan nasaun ida mak la iha identidae nasional. Lian Indonesia dehan Jati Diri Bangsa (Identidade Nasional) komponentes husi Jasti diri bangsa ne mak hanesan Lian, hatais, aihan,ho taraian traditional, musika, tebe-tebe, bidu no seluk tan, ketak husi bandeira no ino nasional.

To tempo ona ba ema Timor - Lorosa’e hatudu nia an katak Bangsa dan Negara seutuhnya (Nation State Absolutely) husi riku soin kultura nebe mak nia iha. La bele husik ema seluk nia rikusoin kultura hamate fila fali riku soin kultura Timor maibe rikusoin kultura ema seluk nian hanesan instrumentu suporta deit. Ema husu ita bot nia lian sa? Konsertesa ita bot la bele dehan Portugues tan ita bot nia kulit metan ou kahur no ita bot la bele dehan hau mai husi Timor Portugues tanba hamos tiha ona iha ONU ita bot ema dehan lao sala dalan tama ema seluk nia uma laran/kesasar.

Ita bele aprende lian Portugues, Engles no Lian Indonesia maibe ita keta husik ita nia lian rasik ne mak ita nia abut. Ho haburas no haklean lian Tetun iha ita nia let ita sei halakon sukuismo ba ita nia jerasaun futuru no rai hela rikusoin moris hakmatek no pas entre ema Timor oan hanesan uma laran ida deit Timor-Lorosa‘e.

Dosente UNTL, Estudante Postgraduate
Oklahoma University (OU)
Saran, kritik hato ba Email: bito74@hotmail.com

Elvis Da Cruz
Foti husi STL edisaun (17/09,pag.05), © Copyright 2005-2007 Suara Timor Lorosae!

7 comentários:

  1. O que podemos esperar deste governo timorense são patadas atrás de patadas e cravanços, atrás de cravanços.
    Nem Ramos Horta, nem Xanana Gusmão nos dão garantias de fazer prevalecer o português em Timo0r-Leste como língua oficial ao lado do tetum.
    Veja-se o exemplo dos filhos de Xanana que quase não sabem português e andam em escolas de inglês!
    Por aqui o senhor Xanana revela as suas intenções e como é ele que tem a "chave" do poder em Timor sabe bem porque tem os filhotes virados para o inglês em exclusividade.
    Obviamente que ele quer "produzir" filhos anglófonos e não lusófonos. Se assim é para os filhos é porque assim fará para o país e da sua "ditadura" disfarçada de sacanisses não se salva Timor Leste nem Portugal.

    O governo anterior, da Fretilin, também muito pouco fez pelo português, mas fez alguma coisa. Xanana fará exactamente o contrário.

    Os contribuintes portugueses não podem considerar-se eternamente pagantes para uma elite ingrata. Nem que a relação com os detentores dos poderes timorenses prevaleça na chantagem historico-psicológica, que andem sempre na pedincha, só para sacar e que o povo timorense pouco ou nada veja.
    Timor é Austrália. Portanto a Austrália que pague aos penduras dessa elite cobarde e traidora!
    Os contribuintes portugueses só têm de dizer chega!

    Como queremos ajudar o povo timorense e sabemos inglês podemos ir sempre lá gastar uns milhares em ajuda directa. Ao povo, não aos chulos destes dirigentes!

    Nem mais um euro para os dirigentes timorenses enquanto não derem provas fiáveis, visíveis daquilo que querem fazer do país.

    A Austrália saca-lhes o petróleo, a Austrália vira a situação com golpes de estado em conluio com Hortas e Xananas, a Austrália que sustente esses parasitas!

    ResponderEliminar
  2. 400 milhões de Euros em 7 anos é muito?

    Isso é o que o Estado português gasta em subsídios à CP, Carris, etc.. anualmente para os portugueses terem o serviço miserável que têm.

    Ao menos os 400 milhões em Timor podem ter algum efeito positivo, os subsídios escoam-se ano após ano e pouco ou nada melhora para os portugueses.

    ResponderEliminar
  3. A generosidade dos governantes portugueses não tem tido limites para ajudar Timor-Leste!

    400 milhões de dólares é demasiada "fruta" para o ensino da língua de Camões em Timor-Leste.

    Na minha opinião é deitar semente em terra seca que nunca vai germinar.

    Os governantes, actuais, não se interessam na disseminação da língua de contacto com o povo timorense de há séculos.

    Interessam-se sim que os timorense, no futuro, se venham a exprimir, fluentemente, na língua de Shakespearean, que é esta a língua oficial da Austrália.

    Distante como Portugal se encontra de Timor-Leste e com interesses mínimos no território a língua de Camões ir-se-à extinguir dentro de duas dezenas de anos.

    Mas a doação dos 400 milhões - repito - demasiada verba numa altura em que o Governo Português procura estabilizar as finanças e onde tem havido contenção de despesas.

    São bem conhecidas as "aberrações" do PR Dr. Ramos Horta de quando lutava pela autodeterminação do Povo de Timor Leste a Portugal.

    Uma dessas suas excentridades em desabono a Portugal, foi de quando há uns 6 ou 7 anos proferiu uma conferência de imprensa no "Foreign Club Correspondents of Thailand", onde junto a ele se encontrava o PM Xanana Gusmão.

    No final do encontro com os jornalistas estrangeiros e locais agradeceu a todos os países que tinham ajudado o Povo timorense guindá-lo à autodeterminação.

    Incluiu os países membros da União Europeia e não referiu o nome de Portugal (a sua pátria pelo menos na altura, pensamos, de passaporte).

    Alguém lhe perguntou ( a sós) a razão porque não incluiu o nome de Portugal...

    Ironicamente respondeu: "quando designei o nome da União da Europeia,incluí Portugal.

    Eu estava lá (tenho fotografias do evento) e, quando ouvi o Dr. Ramos Horta em não falar na ajuda de Portugal, que tanto contribuiu e acarinhou a luta, saí, entrei no elevador e desci os 19ª andares.

    Já na rua para dentro mim e enojado, silenciosamente: INGRATIDÃO!

    De Banguecoque
    José Martins

    ResponderEliminar
  4. Podemos ter o dever moral,...etc, concordo e aceito., mas será para toda a eternidade.?
    Nós cá em Portugal também temos e estamos com muitas dificuldades.
    Sei que em Timor se fala pouco Português. As reuniões e documentos são ,sempre ou quase sempre em Inglês, e percebemos bem, com a proximidade da Austrália!!!.Dizem que o Inglês é a língua dos Negócios
    Saber que os Timorenses falam Tétum em casa;, Português com alguns portugueses, embora, muitos portugueses preferem falar Inglês ;Inglês com ingleses ;Australiano com australianos; Bahasa? com os indonésios. Agradar a Gregos e Troianos , não é possível !!!! Parece –me uma luta inglória para Portugal e os seus professores de Português em Timor. Só é vantajoso no final do mês com o bom ordenado que recebem e que aqui não podem ter. Não temos crianças e as escolas estão a fechar. E das escolas estamos a fazer lares de idosos..
    As crianças de Timor merecem MAIS do que aprender línguas. No meu ver Merecem 4 boas refeições Diárias continuadamente , Atenção, carinho, Amor, tempo para brincar, e aos seis anos, então, entrar para a escola e terem todas as condições dos alunos da Escola Portuguesa , no mínimo!!! E todos sabemos que não é assim….
    Não sou professora e estive em Timor por conta própria.
    Um abraço para Timor.
    ana

    ResponderEliminar
  5. Parabéns no obrigadu barak ba artigu interesante tebe-tebes.

    Ema ruma, hosi jerasaun edukasaun portugés no edukasaun indonézia rua hotu, iha nafatin kompleksu inferioridade kona-ba tetun. Sira hakerek iha portugés ka indonéziu dehan katak nia seidauk dezenvolve iha lian modernu, hanesan lian portugés indonéziu, ka inglés, maibé se ema bele ko’alia lian ida, sira mós bele hakerek iha nia, hanesan ema seluk. Sira uza liafuan oioin diferente (hosi portugés, indonéziu, ka tetun rasik) atu dehan buat hanesan, sira la hakerek liafuan hanesan iha dalan hanesan, maibé sira bele komprende liafuan barakliu.

    Tetun tenke sai ‘lingua franca’ ba ema hotu iha Timor Lorosa’e, hosi Pantemakassar ba Lospalos. Nia mós tenke sai ‘lingua franca’ entre timor-oan iha rai rasik no rai seluk (‘diaspora’). Ha’u hatene mane-oan iha Inglaterra sé bele ko’alia fataluku, indonéziu, portugés no inglés, maibé nia la ko’alia tetun! Ema malae hotu iha Timor Lorosa’e, hosi Austrália, Indonézia Portugal, ka rai seluk, tenke maka’as an aprende tetun. Sira sei komprende liafuan barak iha tetun ona, tanba liafuan barak iha tetun hosi portugés mós hanesan liafuan inglés no liafuan indonéziu hosi inglés ka olandés, no ema sé ko’alia. Liafuan seluk iha tetun hanesan liafuan iha indonéziu, malaiu ka tagalog (lia filipinu) tanba tetun lia austronéziu. Nune’e Timor Lorosa’e hatudu ba ema iha rai seluk katak tetun la’ós lian ne’ebé taka odamatan ba lian seluk, nia lian ne’ebé iha jambatan barak ba lian oioin.

    Hadomi tetun, hafolin tetun, hakerek tetun.

    ResponderEliminar
  6. Finalmente soubemos os interesses dos portugues representado por senhor Thomaz Alencar. Pretende impôr o portugu~es aos timorenses.

    Para nós os timorenses não temos nenhum problema de aprender e adoptar a língua portuguesa como a nossa língua oficial. Mas para ser justo, esperemos que os portugueses façam a mesma, alias aprender e adoptar o Tetum como uma das línguas oficiais de Portugal. How is your opinion Mr. Alencar. I look forward hearing from Mr. Alencar as soon as possible.

    ResponderEliminar
  7. Se timor-oan sira la presiza hatene portugés atu hetan pasaporte portugés, tanbasá sira presiza aprende lia portugés atu serbisu iha sira-nia governu rasik?

    Se sira iha direitu ba lakohi lia portugés hanesan sidadaun Portugál nian, tanbasá sira la bele iha direitu ne'ebá?

    Se departamentu governu nian no kámara munisipál iha Austrália no Reinu Unido tradús dokumentu ofisiál ba tetun, tanbasá sira ne'ebá iha Portugál la bele halo buat hanesan? Portugál tenke pelumenus apoia tradusaun dokumentu ofisiál nian iha Timór hosi portugés ba tetun, hanesan autoridade portugeza iha Makau apoia tradusaun dokumentu ba xinés tiha ona?

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.